09/09 - Gazin

Mais de 50% dos pais poupam para seus filhos terem uma vida financeira mais independente

E você, já pensou sobre isso? 


Qual a importância da educação financeira para crianças e adolescentes?

Foi buscando responder a essa pergunta que a Boa Vista SCPC identificou, por meio de uma pesquisa, que esse assunto está ganhando cada vez mais espaço nas famílias brasileiras. Tanto que, em um ano, aumentou de 42% para 59% o total de consumidores que afirmam poupar para os filhos.

A pesquisa, feita com cerca de 1.060 respondentes de todo o Brasil, revelou que, dos 59% que poupam para os filhos, 61% optam por guardar essas economias na poupança. Aplicações em fundos, ações ou CDB tiveram um crescimento de 3 pontos percentuais. Outros 8% aplicam em Previdência Privada e 6% em Títulos de Capitalização.

Ainda de acordo com a pesquisa, 85% dos consumidores acreditam ser muito importante que as crianças e adolescentes recebam orientação financeira, além do dinheiro guardado, até para saber como melhor aproveitá-lo. E 65% afirmam que costumam conversar e explicar às crianças o que é, como se ganha e para que serve o dinheiro. Por outro lado, o percentual de crianças que aprendem sobre este tema nas escolas ainda é muito baixo, apenas 3%.

 

Educação Financeira: dar ou não dar mesada?

Em média, 22% dos consumidores afirmaram que costumam dar mesada ou semanada a seus filhos. Vale destacar que é por meio da mesada que os pequenos aprendem a gastar, a poupar e a cometer erros que serão benéficos para o entendimento da importância de um planejamento financeiro.

A pesquisa revelou que 55% dos pais adotam a mesada ou semanada para estimular a educação financeira nas crianças. Já 27% adotam esta iniciativa para prover recursos para a compra de alimentação/lanches e 18% como uma forma de recompensa por comportamento.

Do total de entrevistados, 53% conseguem poupar mais de R$ 50 por mês, para os filhos. Sendo que 60% destas economias serão utilizadas no futuro, para ajudar nos estudos (faculdade, por exemplo); 19% para a compra da casa própria e 12% para outras finalidades como, realizar a viagem dos sonhos (2%), aposentadoria complementar (7%) e situações de emergência (3%).

 

Orçamento Familiar Participativo

A orientação das crianças é fundamental para o sucesso da gestão financeira doméstica. Afinal, como o próprio nome já diz, o orçamento familiar necessita da participação de todos os membros da família, inclusive dos pequenos. E falando no assunto, aproveite o tempo maior em casa, faça uma reunião e inclua todos os membros da família no planejamento, readequação e gestão dos recursos.

Fale Conosco

    0800-644-8282
    Atendimento de Segunda a Sexta
    das 8 às 19hs. Sábado das 8 às 12hs
    (Horário de Brasília)
    E-mail: consorciogazin@gazin.com.br
    Ouvidoria: 0800-644-9292
    consorcio.ouvidoria@gazin.com.br
SIGA-NOS
Afiliada a Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio
©2020 Consórcio Nacional Gazin - Uma empresa do Grupo Gazin - Todos os direitos reservados.